Artigos

A lógica das tabelas de pagamento dos Planos de Saúde

As operações de planos de saúde são dependentes de uma cadeia de fornecedores de alta qualificação, distintos entre médicos, laboratórios e hospitais. Este terceiro representa a maior fatia na estrutura de custos que compõe um plano de saúde e a negociação com estes fornecedores tende a ser conflituosa e intempestiva.
Veja Mais

RN nº 379/2015 - Sobre os documentos referente a Identificação da Saúde Suplementar

A RN nº 360/14 foi alterada pela RN nº 379/15 e estabelece o conteúdo mínimo obrigatório a ser observado pelas operadoras para a Identificação Padrão da Saúde Suplementar. Além disso, o Anexo I da RN nº 360/14, passa a vigorar conforme o Anexo desta nova Resolução Normativa.
Veja Mais

Súmula Normativa nº 27 - Operadoras não podem impedir acesso de beneficiários aos planos de saúde

Hoje foi publicada no Diário Oficial da União (D.O.U.) a Súmula Normativa nº 27 que reforça o entendimento quanto à determinação de que nenhum beneficiário pode ser impedido de adquirir plano de saúde em função da sua condição de saúde ou idade.
Veja Mais

Controle das Despesas Assistências é um Desafio Mundial

O aumento dos custos assistenciais não atinge somente o Brasil. Segundo Luiz Augusto Carneiro superintendente executivo do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), “há um fenômeno global de descasamento entre variação dos custos médico-hospitalares e indicadores gerais de inflação”.
Veja Mais

Reajuste de Planos Individuais/Familiares

Reajuste de Planos Individuais/Familiares – de acordo com o comunicado disponibilizado em 03/06/2015 no site da ANS. Saiba mais...
Veja Mais

Jornada da Saúde e seus Enunciados

A Comissão Nacional de Justiça – CNJ, promoveu, juntamente com alguns atores do setor da saúde a II Jornada da Saúde.
Veja Mais

Strategy na Mídia - Revista Exame PME (Maio/2015 – Edição 0085)

A Presidente da Strategy, Raquel Marimon, participou da reportagem "Grandes Decisões" veiculada na Revista Exame PME - Maio/2015 - Edição 0085, comentando a respeito de qual cliente deve ser abordado primeiramente, pela empresa mineira Ventrix, que criou um sistema de diagnóstico de doenças cardíacas a distância. Fique por dentro...
Veja Mais

Na sociedade atual, a lógica do mutualismo garante a sustentabilidade do sistema de saúde suplementar?

Este foi o tema eleito pela organização do evento 6º Seminário Unidas – Economia da Saúde e Gestão, realizado nos dias 13 e 14 de abril de 2015, sobre o qual fomos convidados a palestrar. A coluna de opinião que segue reflete uma pequena amostra dos temas debatidos neste painel e a opinião da palestrante.
Veja Mais

Mercado de Planos de Saúde

No ano 2014, o mercado de planos de saúde, apesar das questões políticas e da desaceleração do crescimento econômico do país, manteve-se dinâmico e demonstrou uma grande reorganização operacional, melhorias na gestão comercial e de produtos, entre outros. Estratégias utilizadas para acompanhar a complexidade do mercado que esta sempre em movimento.
Veja Mais

Ressarcimento ao SUS é ampliado pela ANS – O que isso significa para as Operadoras?

Para início de conversa, significa maiores despesas para as Operadoras de Planos de Saúde (OPS)... O anúncio foi realizado no último dia 8 de maio, ratificando o artigo 32 de Lei 9.656/98. Como vem acontecendo há algum tempo, a Agência Nacional de Saúde (ANS), está constantemente investindo...
Veja Mais

IMPORTÂNCIA DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISIONAL

A responsabilidade civil é caracterizada pela falta de intenção de prejudicar o outro. Ou seja, a possibilidade existente no dia a dia dos mais diversos profissionais.
Veja Mais

Os dois lados da extensão do plano de saúde a aposentados e demitidos

Desde o início da regulação dos planos de saúde, a ANS já previa nos artigos 30 e 31 da Lei 9656/98 a possibilidade de que aposentados e demitidos (inativos) permanecessem vinculados aos contratos coletivos quando se desligassem da empresa, seja por aposentadoria ou por demissão sem justa causa, desde que tivessem contribuído com o custeio do plano enquanto ativos, independentemente da utilização.
Veja Mais

Indisponibilidade de Bens - Seguro de Responsabilidade Civil Diretores e Administradores - D&O

A Lei No. 9.656, de 03 de Junho de 1998 especifica em seu Art. 24 que sempre que detectadas nas Operadoras insuficiência das garantias do equilíbrio financeiro, anormalidades econômico-financeiras ou administrativas graves que coloquem em risco a continuidade ou a qualidade do atendimento à saúde, a ANS poderá determinar a alienação da carteira, o regime de direção fiscal ou técnica, por prazo não superior a trezentos e sessenta e cinco dias, ou a liquidação extrajudicial, conforme a gravidade do caso.
Veja Mais

As operadoras de planos de saúde passam por um período de desafios e transição. E quando esta fase acabará?

Muito se discute sobre o envelhecimento populacional, o aumento da sinistralidade, as exigências da ANS, modelos de remuneração, a relação contratual entre operadora e prestadores, dentre vários outros assuntos. O fato é que os rumos que o negócio Operadora de Plano de Saúde tomou deixa incrédulo até o mais otimista, basta observarmos os números do setor.
Veja Mais

Balanço do Pool de Risco

Após três anos de sua publicação, a Resolução Normativa nº 309, que implementou o Pool de Risco, ainda causa muitas dúvidas e confusões, por se tratar de assunto polêmico.
Veja Mais

Utilização saudável do Plano de Saúde

Ao analisarmos o comportamento e a utilização dos planos de saúde, visualizamos em muitas oportunidades o crescimento da frequência de exames e consultas. Normalmente esse aumento reflete diretamente no índice de sinistralidade.
Veja Mais

Gestão da saúde e não da doença

2015, segundo economistas, especialistas, estudiosos, astrólogos, videntes entre outros, promete ser um ano difícil em todos os sentidos. Em nosso setor de saúde, todos os planejamentos estratégicos elaborados no final do ano passado atentam para a instabilidade do dólar e seus impactos diretos nos insumos hospitalares, órteses, próteses e principalmente medicamentos oncológicos.
Veja Mais

Produto de atenção primária à saúde

Diante do cenário atual, para as operadoras que desejam inovar e investir no lançamento de novos produtos descrevemos abaixo algumas recomendações
Veja Mais

As Alterações nos Padrões de Morbimortalidade no Brasil e a Estrutura dos Sistemas de Saúde

Nas últimas décadas o Brasil enfrentou diversas transformações em sua estrutura populacional. A queda da taxa de mortalidade, bem como a intensa queda da fecundidade, tem provocado incrementos populacionais a ritmos decrescentes, que fazem parte do processo definido por diversos autores como “transição demográfica”.
Veja Mais

Impacto na Transição Demográfica

Veja a opnião de nosso time de profissionais sobre este importante tema acerca do cenário de envelhecimento da população brasileira.
Veja Mais

REGULAÇÃO DOS REAJUSTES DOS PLANOS COLETIVOS?

Está em tramitação na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, um projeto de Lei PLS 282/2014 do Senador Antonio Carlos Porto de Andrade, “Kaká Andrade” (PDT/SE), (substitui o Senador Eduardo Amorim, licenciado devido a sua candidatura ao Governo do Estado), para que os planos de Saúde Coletivos tenham seus reajustes submetidos à Agência Nacional de Saúde (ANS).
Veja Mais