Artigos

Existe possibilidade de aumento na receita?! (Parte I)

Encontramos-nos em um determinado momento que pensar apenas em controle e redução de custos não é o suficiente para sustentação da Operadora, precisamos de mais. Não é novidade que a Saúde Suplementar no Brasil entrou em colapso, e por isso existe uma grande preocupação de todos os envolvidos neste mercado.
Veja Mais

Planos Odontológicos x Crise Econômica

Os planos odontológicos estão na contramão da crise econômica. Em comparação aos planos de saúde, que em Fevereiro de 2016 apresentaram uma baixa de 1,3 milhão de vínculos, no mesmo período, o mercado de planos exclusivamente odontológicos apresentou uma alta de aproximadamente 1,4 milhão de novos vínculos.
Veja Mais

Obama Care X Trump don’t Care

No mês de março deste ano acompanhamos um importante movimento na regulamentação da saúde americana. Temos tido o privilégio de estudar o assunto ao longo dos últimos anos, com visitas as ACOs – Afordable Care Organizations, ao centro de criação da própria regulamentação Obamacare, na Universidade de Saúde Pública de Harvard, entre outras pesquisas e visitas de campo realizadas.
Veja Mais

O crescimento da Medicina de Grupo

Na contramão do mercado de saúde e da queda de emprego, as operadoras de modalidade de medicina de grupo apresentaram crescimento.
Veja Mais

Diferenças Regionais do Custo Médio por Internado

Os valores das mensalidades dos planos de saúde são definidos com base nos montantes de despesas que a operadora irá assumir para a devida prestação do serviço de assistência à saúde contratado.
Veja Mais

Ampliação nas Regras de Portabilidade

Como parte do projeto de estimular a concorrência do mercado, a Agência Nacional de Saúde através do Comitê de Regulação da Estrutura dos produtos está revisando as regras de Portabilidade. A primeira resolução é de 2009 e dispunha que somente os beneficiários de planos individuais poderiam portar suas carências, atendendo os requisitos da norma. Em 2011 a norma foi atualizada e ampliou a possibilidade para os planos coletivos por adesão. O prazo para exercer a portabilidade, antes limitado a 2 meses (no ano), foi ampliado para 4 meses, regra vigente até então.
Veja Mais

Pool de Risco - Artigo II

Na última semana o abordamos em nossa coluna semanal o assunto do pool de risco e ainda sobre esse tema, tenho algumas colocações que julgo importante se atentarem.
Veja Mais

Pool de Risco

A Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS publicou em outubro de 2012 a Resolução Normativa n.º 309, que dispõe sobre o agrupamento de pequenos contratos de planos privados de assistência à saúde, coletivos empresariais e por adesão, para fins de cálculo e aplicação de reajuste.
Veja Mais

A importância da Odontologia Ocupacional

A saúde bucal é parte integrante da saúde geral do trabalhador e as doenças causadas pelo cuidado negligenciado incapacitam os trabalhadores, provocando desconforto físico e emocional, diminuindo sua produtividade, sua capacidade de concentração, facilitando a ocorrência de acidentes e erros técnicos no local de trabalho.
Veja Mais

Saúde Oral no Brasil é um Problema?

Planos privados de odontologia crescem a cada ano e hoje cobrem 20 milhões de Brasileiros, ou seja, 11,45 % da população. O crescimento deste mercado é de 3,2% ao ano em média, em contraste do crescimento vem a carência com dados bem assustadores.
Veja Mais

Risco Assistencial e IDSS

A Agência Nacional de Saúde editou, no começo do ano, a Resolução Normativa RN nº 416/17, que trata da metodologia para acompanhamento do Risco Assistencial da Operadora.
Veja Mais

Sobre a proposta da ANS para movimentação de ativos garantidores

A minuta da Instrução Normativa discutida pela ANS refere-se à movimentação de ativos garantidores pelas Operadoras e a proposta da ANS é dar mais autonomia para as Operadoras que cumprirem requisitos que serão estabelecidos na nova norma, que em síntese são condições que demonstram maior profissionalismo na gestão de ativos.
Veja Mais

Cobertura do Rol da ANS

Como cediço, a cobertura mínima obrigatória por parte das operadoras de saúde está prevista no Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde da Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS, o qual é taxativo, ou seja, devem ser assegurados todos os procedimentos listados no referido Rol, de forma limitada, sendo facultado às operadoras garantirem cobertura adicional.
Veja Mais

Gestão de Controle

Em busca de alternativas na redução da sinistralidade, as operadoras frequentemente nos abordam com solicitações de soluções que muitas vezes estão presentes no dia a dia da operadora e que são ignoradas por desconhecimento ou falta de ferramentas.
Veja Mais

Uma perspectiva para o Futuro das Operadoras de Planos de Saúde

Não é novidade que a Saúde Suplementar entrou em colapso, e por isso há uma grande preocupação de todos os envolvidos neste mercado, tais como: Operadoras, prestadores de serviço, beneficiários, fornecedores de materiais e medicamentos, judiciário e ANS. Esse foi um dos motivos que levaram a FenaSaúde – Federação Nacional de Saúde Suplementar a realizar o 2º Fórum de Saúde Suplementar no final do ano passado, com o tema: Escolhas necessárias para o futuro.
Veja Mais

A saúde começa pela boca

Por ser uma porta de entrada de muitas doenças quando os cuidados necessários não são tomados, a boca exige uma higiene adequada. Não só para manter a aparência, mas para a saúde de modo geral. E a atenção deve ser redobrada quando as defesas do organismo estão enfraquecidas, como, por exemplo, quem possui o vírus HIV, onde a doença bucal mais encontrada é a candidíase (sapinho, na linguagem popular).
Veja Mais

O papel da Operadora na estimativa da PEONA

A ideia deste texto é provocar uma reflexão nos gestores das Operadoras de planos de saúde que possuem nota técnica de PEONA, reforçando o entendimento de que o atuário e a Operadora compartilham a responsabilidade pela provisão. Desta forma me propus usar uma linguagem bastante simples e redefinir conceitos que já são muito ouvidos, mas talvez não plenamente compreendidos.
Veja Mais

Tabagismo

Por anos, o hábito de fumar era charmoso, com propagandas que reforçavam este conceito. Os efeitos negativos para a saúde não eram debatidos a não ser entre os médicos, após intensas campanhas contra o tabagismo, o número de fumantes no Brasil está reduzindo. E hoje habito de fumar é cultivado com certo constrangimento.
Veja Mais

Aplicativos ANS - visão usuário

​Com objetivo de aproximar o órgão regulador do público em geral e dar mais transparência ao trabalho desenvolvido pela ANS, a Agência promoveu, em dezembro, um desafio para os profissionais de desenvolvimento de soluções APP Móveis, denominado de Hackathon.
Veja Mais

Sobre o relatório de OPME’s da ANS

A ANS divulgou na última quinta-feira, dia 15/12/16, o relatório final do grupo de trabalho externo de OPME’s, realizado em parceria com a ANVISA.
Veja Mais

Uso consciente do Plano de Saúde

Nos últimos anos o Brasil vem passando por diversas crises de escassez de recursos, o mais conhecido em todo país foi a escassez da água e isso fez com que a população mudasse hábitos e cultura de utilização.
Veja Mais