Notícias

OMS alerta sobre resistência generalizada a antibióticos

Entre as mais frequentes estão as bactéria que causam infecção urinária e pneumonia
Veja Mais

Sudeste tem mais operadoras com problemas financeiros

Divulgamos esta semana o Texto para Discussão 68 - Regimes de Direção e de Liquidação Extrajudicial: uma análise a partir das Resoluções da ANS no período 2000-2017. A pesquisa inédita baseia-se nos dados Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e faz um levantamento dos regimes de direção fiscal de operadoras de saúde (OPS) no país, apontando 829 instaurações de regimes de direção no período analisado, sendo que muitas foram recondução de regimes vigentes.
Veja Mais

BRASIL ENVELHECE MAIS RÁPIDO QUE OUTROS PAÍSES

A preocupação de especialistas com a reforma da Previdência é baseada em uma realidade inevitável: o Brasil está envelhecendo. Segundo dados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), 5,4% da população brasileira tinha mais de 65 anos no ano 2000. Em 2013, último dado disponível, esse percentual tinha saltado para 8,9%. Na avaliação de economistas, esse fenômeno deve ganhar mais fôlego nos próximos anos. O País, hoje o sétimo mais jovem de um grupo de nações acompanhadas pela OCDE, passará a figurar entre os que têm mais idosos.
Veja Mais

NECESSIDADE DE ATUALIZAÇÃO DA SAÚDE SUPLEMENTAR

O novo cenário que se configura com o envelhecimento da população trará mudanças na demanda e no perfil dos beneficiários dos planos de saúde.
Veja Mais

PARTO DE POLÊMICAS

Cesárea aumenta riscos para saúde dos filhos na infância e futuras gestações da mãe
Veja Mais

Hanseníase: milenar, doença tem 28 mil novos casos por ano

Conhecida antigamente como lepra, hanseníase ataca, principalmente, a pele e o sistema nervoso
Veja Mais

8° Reunião do Comitê de Regulação da Estrutura dos Produtos

Inscrições abertas para o encontro do dia 06/02
Veja Mais

Reunião do Grupo Técnico de Modelos de Remuneração

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) informa que a próxima Reunião do Grupo Técnico de Modelo de Remuneração, que aconteceria no dia 22 de fevereiro, foi transferida para o dia 15 de março de 2018, das 14h às 17h, no Rio de Janeiro, em local a definir.
Veja Mais

Workshop da FenaSaúde debate controle de reajuste das mensalidades de planos de saúde

Evento ocorreu na sexta, dia 26, no Rio de Janeiro, reunindo 150 participantes presenciais e 240 online
Veja Mais

Ao completar 18 anos, ANS faz balanço e projeta próximas ações

Data, comemorada em 28/01, marca conquistas e a consolidação do setor, que desempenha papel relevante à assistência à saúde e à economia do País
Veja Mais

Regulação impacta mais as pequenas operadoras

Acabamos de divulgar a pesquisa Regimes de Direção e de Liquidação Extrajudicial: uma análise a partir das Resoluções da ANS no período 2000-2017, estudo inédito baseado nos dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).
Veja Mais

ANS ESTIMULA UTILIZAÇÃO CONSCIENTE DE PLANOS DE SAÚDE

Segundo a agência, o uso correto do plano deve ser uma preocupação de todos os integrantes do sistema de saúde suplementar
Veja Mais

RN sobre contratação de plano por empresário individual entra em vigor na segunda-feira

ANS elaborou cartilha para orientar consumidores e agentes do setor
Veja Mais

ANS realiza a 7ª reunião do Grupo Técnico de Acreditação de Operadoras

Agência apresentou a proposta inicial para o novo modelo de acreditação
Veja Mais

OBESIDADE E SOBREPESO SÃO PROBLEMAS CRESCENTES NO PAÍS

Os índices de excesso de peso e obesidade no Brasil são crescentes e alarmantes. É o que mostra uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), ao longo de 2016. Desta vez, os números do Vigitel trazem os resultados do estudo realizado com beneficiários de planos de saúde. A proporção de adultos com excesso de peso aumentou de 46,5% para 53,7%, um crescimento de 15,5%, na comparação entre 2008, quando a pesquisa foi feita pela primeira vez, e 2016. Em relação à obesidade, o percentual foi de 12,5% para 17,7%, um aumento de 41,6%. Foram realizadas 53.210 entrevistas por telefone, sendo 20.258 com homens e 32.952, com mulheres, em todas as capitais e no Distrito Federal, entre os meses de fevereiro e dezembro de 2016.
Veja Mais

Por que democratizar o acesso ao prontuário eletrônico?

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) tem entendimento claro quanto à titularidade do conteúdo dos prontuários eletrônicos – as informações contidas nos prontuários são dos pacientes. Isso permite, essencialmente, que o paciente possa solicitar acesso a esse conteúdo, sendo vedado pelo Código de Ética Médica a negativa de acesso.
Veja Mais

A cada 100 beneficiárias com mais de 50 anos, 98 já fizeram mamografia

O câncer de mama é, entre as mulheres, a segunda maior causa de morte pela doença no Mundo, atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Somente no Brasil, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), 58 mil novos casos da doença foram diagnosticados em 2016. O que equivale a 25% de todos os casos de câncer no País. Para mudar esse quadro, é fundamental que as mulheres tenham o hábito de realizar o autoexame, que auxilia na detecção precoce da doença, e consultar o médico com frequência.
Veja Mais

GASTOS DE PLANOS DE SAÚDE SOBEM 15,4% EM 2017 E QUEBRAM RECORDE

O gasto das empresas de plano de saúde com exames, consultas e procedimentos médicos subiu 15,4% em 2017, segundo a Abramge (que representa o setor).
Veja Mais

ANS divulga dados do setor referentes a dezembro/2017

Número de beneficiários apresentou crescimento em planos de assistência médica e em planos odontológicos
Veja Mais

Como as soluções digitais refletem em melhoria na saúde dos indivíduos?

Entrevistamos Egbert van Acht, Chief Business Leader das verticais de saúde pessoal da Philips, sobre algumas perspectivas da companhia a respeito de tecnologia e engajamento dos consumidores.
Veja Mais

AS MUDANÇAS NOS PLANOS DE SAÚDE POR CADRI MASSUDA PRESIDENTE DO SINDICATO NACIONAL DAS OPERADORAS DE MEDICINA DE GRUPO

Uma nova determinação da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), que entrou em vigor no dia 2 de janeiro de 2018, determina a inclusão de 18 novos procedimentos no rol de tratamentos obrigatórios a serem cobertos pelos planos de saúde. Dessa vez, entretanto, a inclusão foi de procedimentos de altíssimo custo, relacionados a medicamentos e tratamentos. São terapias genéticas, oncológicas, para esclerose múltipla, oftalmológicas, além de cirurgias, terapias e exames, que chegam a custar até R$ 1,5 milhão por paciente ao ano.
Veja Mais